Entrevista com Cláudia Costa: “Sou vidrada no talento dos meus parceiros de alma.”

Retratos da Alma

Nesta quarta-feira, trazemos uma entrevista especial com a escritora Cláudia Costa!

Ela assina a coluna “À Flor da Pele” no Retratos da Alma, falando sobre suas intensidades e reflexões.

Define-se como: “(…) uma mulher que aos poucos está aprendendo a ser menina. Escritora de emoções por necessidade primária de existência, pedagoga empresarial por formação, gerente de projetos e professora eventual, por sobrevivência”.

Conheçam um pouco mais desta alma única que é Cláudia…

Como se deram os seus primeiros passos no universo da escrita? O que mais te incentivou a colocar palavras no papel?

Desde muito menina, sou apaixonada por livros. No começo, lá pelos 3, 4 anos, eram revistinhas em quadrinhos, mas a minha cobiça já era pelos livros de capa dura. Via minha mãe lendo e achava aquilo o máximo. Aprendi a ler sozinha, de tanto olhar palavras, aos 5 anos – e daí para colocar minhas emoções no…

Ver o post original 505 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s