Saudade

A minha saudade tem nome
Minha saudade tem cheiro,
Minha saudade tem fome.
Certos dias, se a saudade te vê,
Te engole, consome.
Quer me saciar da falta de você.
Teu cheiro entranhou em mim
Mil anos, e tem esse cheiro
Passeio, brinco, suo, banho
E o cheiro entranho.
Só nele encontro você.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s